À Procura da Verdade

Este fórum foi iniciado para que se pudesse conversar livremente e colocar os diversos pontos de vista sobre as verdades bíblicas.
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe
 

 livro 1 joão

Ir em baixo 
AutorMensagem
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

livro 1 joão Empty
MensagemAssunto: livro 1 joão   livro 1 joão EmptyQui Set 24, 2009 3:59 pm

Como nos anos finais do primeiro século da Era Comum, há hoje também “muitos anticristos” contra quem os cristãos verdadeiros têm de estar alertas. Estes cristãos verdadeiros têm de apegar-se ‘à mensagem que ouviram desde o princípio, ter amor uns pelos outros’ e permanecer em união com Deus e com o ensino verdadeiro, praticando a justiça com franqueza no falar. (2:18; 3:11; 2:27-29) Também da mais alta importância é o aviso contra “o desejo da carne, e o desejo dos olhos, e a ostentação dos meios de vida da pessoa”, esses males materialistas e mundanos que engolfaram a maioria dos pretensos cristãos. Os cristãos verdadeiros evitarão o mundo e seu desejo, sabendo que “aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre”. Nesta era de desejos mundanos, sectarismo e ódio, quão realmente proveitoso é estudar a vontade de Deus por meio das Escrituras inspiradas e fazer esta vontade! — 2:15-17.

 É para nosso proveito que Primeira João esclarece os contrastes entre a luz, que emana do Pai, e a escuridão destruidora da verdade, que vem do iníquo, entre os ensinos vitalizadores de Deus e as enganosas mentiras do anticristo, entre o amor que permeia a inteira congregação dos que estão em união com o Pai junto com o Filho e o ódio assassino como o de Caim que sentem os que “saíram do nosso meio . . . para que se mostrasse que nem todos são dos nossos”. (2:19; 1:5-7; 2:8-11, 22-25; 3:23, 24, 11, 12) Tendo este apreço, devemos almejar ardentemente ‘vencer o mundo’. E como podemos fazer isso? Tendo forte fé e “o amor de Deus”, que significa observar Seus mandamentos. — 5:3, 4.

 “O amor de Deus” — quão maravilhosamente esta força motivadora é acentuada em toda esta carta! No capítulo 2, encontramos o nítido contraste feito entre o amor do mundo e o amor do Pai. Mais adiante, traz-se-nos à atenção que “Deus é amor”. (4:8, 16) E quão prático é este amor! Encontrou sua expressão magnificente em ter o Pai enviado “seu Filho como Salvador do mundo”. (4:14) Isto deve inspirar em nossos corações um amor apreciativo e destemido, em consonância com as palavras do apóstolo: “Quanto a nós, amamos porque ele nos amou primeiro.” (4:19) Nosso amor deve ser do mesmo tipo que o do Pai e do Filho — um amor prático, abnegado. Como Jesus, que entregou a sua alma por nós, também nós “temos a obrigação de entregar as nossas almas pelos nossos irmãos”, sim, de abrir a porta de nossas ternas compaixões, de modo a amar os nossos irmãos, não apenas em palavras, mas “em ação e verdade”. (3:16-18) Como a carta de João claramente mostra, é este amor, combinado com o verdadeiro conhecimento de Deus, que une os que prosseguem em andar com Deus em inquebrantável união com o Pai e o Filho. (2:5, 6) É para os herdeiros do Reino neste abençoado vínculo de amor que João diz: “E nós estamos em união com o verdadeiro, por meio do seu Filho Jesus Cristo. Esse é o verdadeiro Deus e a vida eterna.” — 5:20.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
livro 1 joão
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» doença hpv
» A traça e os livros
» A Sinagoga de Satanás
» O livro de Tiago não foi inspirado por Deus?
» Indicação de livro de Física

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
À Procura da Verdade :: Outros assuntos :: Composição da bíblia :: Por que estes livros compõe a bíblia ?-
Ir para: