À Procura da Verdade

Este fórum foi iniciado para que se pudesse conversar livremente e colocar os diversos pontos de vista sobre as verdades bíblicas.
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe
 

 livro 1 reis

Ir em baixo 
AutorMensagem
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

livro 1 reis Empty
MensagemAssunto: livro 1 reis   livro 1 reis EmptySeg Set 21, 2009 9:15 am

Pode-se tirar grande proveito das instruções divinas contidas em Primeiro Reis. Vejamos primeiro o assunto da oração, que tão freqüentemente é acentuado nesse livro. Quando confrontado com a tremenda responsabilidade de reinar em Israel, Salomão orou humildemente a Jeová, como uma criança. Pediu apenas discernimento e um coração obediente, mas, além de sabedoria em medida superabundante, Jeová lhe deu também riquezas e glória. (3:7-9, 12-14) Tenhamos nós hoje a certeza de que as nossas humildes orações, pedindo sabedoria e orientação no serviço de Jeová, não ficarão sem resposta! (Tia. 1:5) Oremos sempre com fervor e de todo o coração, com profundo apreço por toda a bondade de Jeová, como o fez Salomão por ocasião da dedicação do templo! (1 Reis 8:22-53) Que nossas orações sejam sempre feitas com total confiança em Jeová e dependência dele, a exemplo de Elias que orou em tempo de provação e quando confrontado face a face com uma nação que adorava demônios! Jeová provê maravilhosamente às necessidades dos que o buscam em oração. — 1 Reis 17:20-22; 18:36-40; 1 João 5:14.

 Além do mais, o exemplo dos que não se humilharam perante Jeová deve constituir um aviso para nós. Como ‘Deus se opõe aos soberbos’! (1 Ped. 5:5) Houve Adonias, que pensou que pudesse passar por alto a designação teocrática de Jeová (1 Reis 1:5; 2:24, 25); Simei, que pensou que pudesse ultrapassar impunemente os limites (2:37, 41-46); Salomão, cuja desobediência no fim de seus dias, suscitou opositores da parte de Jeová (11:9-14, 23-26); e os reis de Israel, cuja religião falsa levou à ruína (13:33, 34; 14:7-11; 16:1-4). Houve também a iniquamente cobiçosa Jezabel, o poder por trás do trono de Acabe, cujo exemplo notório foi usado mil anos mais tarde como base para um aviso à congregação de Tiatira: “Não obstante, tenho contra ti que toleras aquela mulher Jezabel, que se chama profetisa, e ela ensina e desencaminha os meus escravos para cometerem fornicação e para comerem coisas sacrificadas a ídolos.” (Rev. 2:20) Os superintendentes precisam manter as congregações limpas e livres de todas as influências semelhantes às de Jezabel! — Veja Atos 20:28-30.

 O poder de profecia de Jeová é claramente demonstrado no cumprimento de muitas profecias relatadas em Primeiro Reis. Por exemplo, há a notável profecia, feita com mais de 300 anos de antecedência, segundo a qual seria Josias quem destruiria o altar de Jeroboão, em Betel. Josias fez realmente isso! (1 Reis 13:1-3; 2 Reis 23:15) Contudo, são ainda mais extraordinárias as profecias sobre a casa de Jeová, construída por Salomão. Jeová disse a Salomão que o desvio para os deuses falsos resultaria em Ele ‘decepar Israel da superfície do solo, e lançar para longe Dele a casa que santificou ao seu nome’. (1 Reis 9:7, Cool Em 2 Crônicas 36:17-21, lemos quão exatamente se cumpriu esta predição. Além do mais, Jesus anunciou que o templo que Herodes, o Grande, havia construído mais tarde naquele local teria o mesmo fim, e isso pelo mesmo motivo. (Luc. 21:6) Quão verídico também isto revelou ser! Devemos lembrar-nos dessas catástrofes e do motivo de terem acontecido, a fim de andarmos sempre nos caminhos do verdadeiro Deus.

A rainha de Sabá veio de seu país distante e se maravilhou da sabedoria de Salomão, da prosperidade de seu povo e da glória do seu reino, também da magnífica casa de Jeová. Entretanto, até mesmo Salomão confessou diante de Jeová: “Os próprios céus, sim, o céu dos céus, não te podem conter; quanto menos, então, esta casa que construí!” (1 Reis 8:27; 10:4-9) Séculos mais tarde, porém, Cristo Jesus veio para realizar uma obra de construção espiritual, especialmente relacionada com a restauração da adoração verdadeira no grande templo espiritual de Jeová. (Heb. 8:1-5; 9:2-10, 23) É a este maior do que Salomão que se aplica a promessa de Jeová: “Então deveras estabelecerei o trono do teu reino sobre Israel por tempo indefinido.” (1 Reis 9:5; Mat. 1:1, 6, 7, 16; 12:42; Luc. 1:32) Primeiro Reis fornece estimulante vislumbre da glória do templo espiritual de Jeová, bem como da prosperidade, da alegria e da felicidade indescritíveis de todos os que chegarem a viver sob o sábio domínio do Reino de Jeová, por Cristo Jesus. Assim, aumenta cada vez mais o nosso apreço da importância da verdadeira adoração e da maravilhosa provisão feita por Jeová, de seu Reino por meio da Semente!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
livro 1 reis
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Um livro de 200 páginas
» Física no Vestibular - Por qual livro estudar?
» ESCOLA BÍBLICA - Estudos no livro de Daniel - A estátua - Lição 3
» ESCOLA BÍBLICA-MÊS SETEMBRO-A mensagem do livro aos Romanos.
» No livro de Jó 38:22,23 - Trecho Apocalíptico? Interessante!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
À Procura da Verdade :: Outros assuntos :: Composição da bíblia :: Por que estes livros compõe a bíblia ?-
Ir para: