À Procura da Verdade

Este fórum foi iniciado para que se pudesse conversar livremente e colocar os diversos pontos de vista sobre as verdades bíblicas.
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Breve resumo de Filipenses

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Breve resumo de Filipenses   Sex Ago 20, 2010 3:47 am

Defesa e o progresso das boas novas (1:1-30). Paulo e Timóteo enviam saudações, e Paulo agradece a Deus a contribuição dos filipenses para as boas novas “desde o primeiro dia até este momento”. Ele confia que desempenharão a sua boa obra até o fim, pois são participantes com ele da benignidade imerecida, incluindo “em defender e estabelecer legalmente as boas novas”. Tem saudades de todos eles em terna afeição, e diz: “Isto é o que continuo a orar: que o vosso amor abunde ainda mais e mais . . . que vos certifiqueis das coisas mais importantes.” (1:5, 7, 9, 10) Paulo quer que saibam que seus “assuntos têm resultado mais para o progresso das boas novas”, no sentido de que as suas cadeias da prisão se tornaram de conhecimento público, e os irmãos foram encorajados a falar a palavra de Deus destemidamente. Embora haja ganho para Paulo morrer agora, ele sabe, contudo, que, para o progresso e alegria deles, é mais necessário que permaneça. Ele os aconselha a se comportarem de modo digno das boas novas, pois, quer vá ter com eles, quer não, deseja ouvir que lutam em união, e ‘em nenhum sentido estão sendo amedrontados pelos seus oponentes’. — 1:12, 28.

 Manter a mesma atitude mental que Cristo (2:1-30).
Paulo incentiva os filipenses a ter humildade mental, ‘não visando, em interesse pessoal, apenas os seus próprios assuntos, mas também, em interesse pessoal, os dos outros’. Devem ser da mesma atitude mental que Cristo Jesus, que, embora existisse na forma de Deus, esvaziou a si mesmo para se tornar homem e humilhou-se em obediência até à morte, de modo que Deus o exaltou e lhe deu um nome acima de todo outro nome. Paulo os exorta, dizendo: “Persisti em produzir a vossa própria salvação com temor e tremor.” “Persisti em fazer todas as coisas livres de resmungos e de arguições”, e “mantende-vos firmemente agarrados à palavra da vida”. (2:4, 12, 14, 16) Espera enviar-lhes Timóteo, e confia que ele próprio também irá em breve. No momento, envia Epafrodito, que se restabeleceu de sua enfermidade, para que se regozijem outra vez.

 ‘Empenho para alcançar o alvo’ (3:1–4:23). ‘Nós, os que somos da verdadeira circuncisão’, diz Paulo, ‘precisamos acautelar-nos dos cães, dos que mutilam a carne’. Se alguém tem base de confiança na carne, Paulo tem mais ainda, e seu passado como judeu circunciso e fariseu prova isto. Todavia, considerou tudo isto perda, ‘por causa do valor superior do conhecimento de Cristo Jesus, seu Senhor’. Mediante a justiça, que é pela fé, espera “alcançar a ressurreição a ocorrer mais cedo dentre os mortos”. (3:2, 3, 8, 11) Portanto, Paulo diz: “Esquecendo-me das coisas atrás e esticando-me para alcançar as coisas na frente, empenho-me para alcançar o alvo do prémio da chamada para cima, da parte de Deus, por meio de Cristo Jesus.” Que tantos quantos forem maduros tenham a mesma atitude mental. Há aqueles cujo deus é o seu ventre, que têm a mente nas coisas da terra, e cujo fim é a destruição, mas, “quanto a nós”, afirma Paulo, “a nossa cidadania existe nos céus”. — 3:13, 14, 20.

 ‘Alegrai-vos no Senhor’, exorta Paulo, e ‘seja a vossa razoabilidade conhecida de todos os homens. Continuai a considerar as coisas que são verdadeiras e de séria preocupação, coisas que são justas, castas, amáveis, de que se fala bem, virtuosas e louváveis. Praticai as coisas que aprendestes, aceitastes, ouvistes e vistes, em conexão comigo, e o Deus de paz estará convosco’. (4:4-9) Paulo se regozija grandemente com os pensamentos generosos dos filipenses para com ele, embora tenha força para todas as coisas ‘em virtude daquele que confere poder’. Ele lhes agradece calorosamente a sua dádiva. Desde o início em que declarou as boas novas na Macedónia, eles superabundaram no dar. Deus, por sua vez, lhes suprirá plenamente todas as suas “necessidades ao alcance das suas riquezas, em glória, por meio de Cristo Jesus”. (4:13, 19) Ele envia saudações de todos os santos, incluindo os da família de César.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Breve resumo de Filipenses
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Cristianismo - Resumo
» Filipenses 4:8 !!!
» fILIPENSES 2.15
» RESUMO DA BÍBLIA EM 4 MINUTOS - Espetacular
» A Génese Segundo o Espiritismo (Resumo)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
À Procura da Verdade :: Outros assuntos :: Composição da bíblia :: Por que estes livros compõe a bíblia ?-
Ir para: