À Procura da Verdade

Este fórum foi iniciado para que se pudesse conversar livremente e colocar os diversos pontos de vista sobre as verdades bíblicas.
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Segundo Deuteronômio 6:8, 9, mandou-se que os israelitas ‘atassem a lei de Deus como sinal na sua mão’, servindo-lhes de ‘frontal entre os seus olhos’. Deve-se entender isso literalmente?

Ir em baixo 
AutorMensagem
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Segundo Deuteronômio 6:8, 9, mandou-se que os israelitas ‘atassem a lei de Deus como sinal na sua mão’, servindo-lhes de ‘frontal entre os seus olhos’. Deve-se entender isso literalmente?   Qua Ago 11, 2010 10:22 am



Muitos comentadores judaicos aplicaram esta injunção literalmente. Esta é também uma das passagens bíblicas usadas em apoio do costume de usar filactérios (pequenas caixinhas com textos das Escrituras Sagradas). Entretanto, um exame do texto circundante e de outros textos bíblicos indica definitivamente uma aplicação figurativa.

Começando com Deuteronómio 6:6 e até o versículo 9, lemos: “Estas palavras que hoje [eu, Jeová] te ordeno tem de estar sobre o teu coração; e tens de inculcá-las a teu filho, e tens de falar delas sentado na tua casa e andando pela estrada, e ao deitar-te e ao levantar-te. E tens de ata-las como sinal na tua mão, e elas têm de servir de frontal entre os teus olhos; e tens de escrevê-las sobre as ombreiras da tua casa e nos teus portões.”

Deve ser notado que esta passagem não diz que estes mandamentos deviam ser escritos em alguma coisa e depois usados entre os olhos, na mão ou presos às ombreiras e aos portões. Os próprios mandamentos deviam ser ‘atados como sinal na mão’ e deviam servir de ‘frontal entre os olhos’. Portanto, a idéia evidentemente é muito similar a expressa em Provérbios 7:2, 3: “Guarda os meus mandamentos e continua vivendo, e a minha lei como a menina dos teus olhos. Ata-os aos teus dedos e escreve-os sobre a tábua do teu coração.” É evidente que isso não é literal. Seria impossível escrever literalmente mandamentos sobre o coração, e atar ordens escritas aos dedos só estorvaria no trabalho. Não serviria a nenhum fim útil.

De modo similar, referente a Páscoa, que comemorava a libertação dos israelitas do Egipto, Jeová ordenou aos israelitas: “Terá de servir-te de sinal na tua mão e de memorial entre os teus olhos, a fim de que se mostre que a lei de Jeová esta na tua boca; porque foi por uma forte mão que Jeová te fez sair do Egipto.” (Êxo. 13:9) Novamente, é evidente que a própria comemoração não podia ser literalmente amarrada à mão, nem servir de memorial entre os olhos. Mas os israelitas podiam manter constantemente em vista o que Deus fizera por eles, como se estivesse escrito numa tabuinha entre os olhos ou como se fosse um sinal na sua mão. Do mesmo modo, podiam sempre manter os mandamentos de Jeová diante de si, não importando se estavam em casa ou perto dos portões duma cidade, onde o povo costumava congregar-se e os anciãos da cidade tratavam de casos jurídicos. Os israelitas não deviam apenas reter a lei de Deus no coração e ensiná-la aos seus filhos. Deviam também demonstrar por acção (como que expressa pelas mãos) que aderiam a ela. Deviam identificar-se publicamente como seus defensores, como se a lei de Deus estivesse escrita entre os seus olhos. Isto seria muito mais eficiente do que usar literalmente passagens da lei de Deus na pessoa ou escrever tais passagens nas suas ombreiras ou nos seus portões.

Até mesmo um hipócrita poderia usar caixinhas com textos. De fato, Jesus Cristo censurou os fariseus por ‘ampliarem as suas caixinhas com textos, que usavam como protecção’. (Mat. 23:5) Por ampliarem estas caixinhas, queriam impressionar os outros com o seu zelo pela Lei. Mas, desconsideravam seu verdadeiro objectivo. Por isso, a sua ostentação não significava nada.

Por certo, nós devemos hoje querer provar que somos de coração servos obedientes de Jeová. Isto significa que nosso coração deve induzir-nos a aceitar com obediência apreciativa a orientação da Palavra escrita de Deus. Nossa mente deve fixar-se em coisas sérias, justas, amáveis, virtuosas, castas e louváveis. (Fil. 4:Cool Em tudo o que fizermos, devemos ‘trabalhar nisso de toda a alma como para Jeová, e não como para homens’. (Col. 3:23) Sim, toda nossa acção deve provar que temos sempre diante de nós os mandamentos de Deus.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: Segundo Deuteronômio 6:8, 9, mandou-se que os israelitas ‘atassem a lei de Deus como sinal na sua mão’, servindo-lhes de ‘frontal entre os seus olhos’. Deve-se entender isso literalmente?   Seg Ago 30, 2010 3:05 pm

Como se pode enfrentar o desafio de criar filhos? Deus aconselha os pais a serem exemplos, companheiros, comunicadores e instrutores. (Deuteronómio 6:6, 7)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Segundo Deuteronômio 6:8, 9, mandou-se que os israelitas ‘atassem a lei de Deus como sinal na sua mão’, servindo-lhes de ‘frontal entre os seus olhos’. Deve-se entender isso literalmente?
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Pessoal, me ajudem a entender isso.
» Paulo: Pontos dífíceis de entender
» (UPE) Segundo o Conselho Nacional do Meio Amb
» Equação do segundo grau X1 e X2
» equação do segundo grau

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
À Procura da Verdade :: Pentateuco :: Deuteronômio :: Repetição dos mandamentos-
Ir para: