À Procura da Verdade

Este fórum foi iniciado para que se pudesse conversar livremente e colocar os diversos pontos de vista sobre as verdades bíblicas.
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe
 

 frutos de uma amizade

Ir em baixo 
AutorMensagem
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

frutos de uma amizade Empty
MensagemAssunto: frutos de uma amizade   frutos de uma amizade EmptySeg Jun 07, 2010 9:02 am

Por consideração a Jonatã, Davi desejava ser bondoso com qualquer que ainda restasse da casa de Saul. Davi soube de Mefibosete por meio de Ziba, servo de Saul, e não demorou a convocar o filho de Jonatã. Num ato de humildade, Mefibosete prostrou-se perante Davi. “Davi disse então: ‘Mefibosete!’ a que ele disse: ‘Eis o teu servo.’” Provavelmente, a voz de Mefibosete refletisse medo, pois Davi assegurou-lhe imediatamente: “Não tenhas medo, pois sem falta usarei de benevolência para contigo por causa de Jonatã, teu pai; e terei de devolver-te todo o campo de Saul, teu avô, e tu mesmo comerás constantemente pão à minha mesa.” — 2 Sam. 9:1-7.

Por que estava Mefibosete temeroso? Deve-se lembrar que seu tio Is-Bosete governou como rei rival de Davi, e, assim, Mefibosete poderia ser visto como tendo direito a reivindicar o reinado. Uma vez que era comum entre os governantes orientais assegurar sua posição por matar a todos os possíveis rivais, Mefibosete deve ter temido por sua vida.

Deve ter realmente surpreendido a Mefibosete receber ele consideração favorável da parte do rei. Antes de tudo, havia a questão da terra que havia pertencido a Saul. Pode ser que Davi, ao obter o reinado sobre todo o Israel, assumisse o controle sobre esta terra. Ou, depois da morte de Saul, outros podem ter-se apossado dela. Em qualquer caso, Davi determinou que a propriedade deveria ser devolvida ao legítimo herdeiro, Mefibosete. Mas isto não era tudo. Mefibosete iria usufruir duma posição de honra na corte de Davi. Seria seu privilégio comer regularmente à mesa real. Esta era uma concessão geralmente conferida, não a aleijados desamparados, mas a homens que se distinguissem por atos de bravura.

Com profundo apreço, Mefibosete prostrou-se perante Davi e disse: “Que é o teu servo para teres virado a tua face para o cão morto tal como eu sou?” (2 Sam. 9:Cool Ele estava abismado com a bondade de Davi. Na avaliação de si mesmo, Mefibosete era totalmente indigno disto. E ao falar sobre si mesmo como um “cão morto”, admitia ocupar a posição mais baixa possível.

Davi, então, ordenou que Ziba cultivasse o campo que estava sendo devolvido a Mefibosete. A produção serviria como meio de sustento para a família de Mefibosete e seus servos. A extensão da terra deve ter sido razoavelmente grande, pois exigia o trabalho de Ziba, seus 15 filhos e 20 servos. — 2 Sam. 9:9, 10; 19:17.

Ziba cumpriu as ordens de Davi, mas aparentemente procurava uma oportunidade de obter toda a posse da propriedade de Mefibosete. Esta oportunidade surgiu durante a revolta do filho de Davi, Absalão. Enquanto Davi estava fugindo de Jerusalém, Ziba levou-lhe os suprimentos necessários. Em resposta à pergunta de Davi a respeito de Mefibosete, Ziba caluniosamente respondeu: “Eis que está morando em Jerusalém; pois ele disse: ‘É hoje que a casa de Israel me dará de volta o domínio real de meu pai.’” (2 Sam. 16:3) Infelizmente, Davi aceitou a calúnia sem questionar. Perseguido como estava pelo seu filho Absalão, evidentemente, Davi estava bastante confuso para acreditar que Mefibosete tornara-se desleal. Assim, Davi prometeu dar a Ziba a terra de Mefibosete.

Durante todo o período em que Davi foi obrigado a viver longe da cidade capital, Mefibosete, em expressão de pesar pela condição aflitiva de Davi, negligenciou sua aparência pessoal. Depois de a revolta ter sido rechaçada, Mefibosete, obviamente neste estado de pesar, encontrou-se com Davi em Jerusalém. Ele foi saudado com as palavras: “Por que não foste comigo, Mefibosete?” (2 Sam. 19:25) Em vista do que Ziba havia dito, era de se esperar que Davi fizesse esta pergunta. Mefibosete replicou:

“Meu senhor, o rei, foi meu servo quem me logrou. Pois o teu servo havia dito: ‘Deixa-me selar para mim a jumenta, para que eu monte nela e vá com o rei’, visto que o teu servo é coxo. De modo que ele caluniou o teu servo diante do meu senhor, o rei. Meu senhor, o rei porém, é como um anjo do verdadeiro Deus, e portanto, faze o que for bom aos teus olhos. Porque todos os da casa de meu pai se teriam tornado nada mais que condenados à morte para meu senhor, o rei, e no entanto, puseste teu servo entre os que comem à tua mesa. Portanto, que direito tenho ainda de mesmo clamar mais ao rei?” — 2 Sam. 19:26-28.

Ao ouvir isto, Davi deve ter compreendido o erro de aceitar as palavras de Ziba, e isto evidentemente o irritou. Ele não quis ouvir mais nada sobre o assunto, pois disse a Mefibosete: “Por que falas ainda as tuas palavras? Eu digo deveras: Tu e Ziba deveis compartilhar o campo.” — 2 Sam. 19:29.

Mefibosete não se ofendeu por Davi ter tratado o assunto dessa maneira. Ele não estava preocupado com sua perda material. Para ele o importante era que Davi havia retornado ileso a Jerusalém. Por isso, Mefibosete disse: “Que ele [Ziba] fique até com o inteiro, agora que meu senhor, o rei, veio em paz para a sua casa.” — 2 Sam. 19:30.

Embora Mefibosete pudesse estar amargurado pela sua sorte na vida, ele apreciava a vida em si mesma. Em vista das circunstâncias da época, ele podia ter sido morto por Davi. Isto o tornou profundamente grato por ter o privilégio de comer à mesa real, e submeteu-se leal e humildemente às decisões do Rei Davi. Mefibosete é assim um excelente exemplo dum homem que valorizava o que tinha, e não lamentava o que não tinha. Sejamos também apreciativos assim como Mefibosete.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
frutos de uma amizade
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
À Procura da Verdade :: Profetas :: Samuel :: Davi e Mefibosete-
Ir para: