À Procura da Verdade

Este fórum foi iniciado para que se pudesse conversar livremente e colocar os diversos pontos de vista sobre as verdades bíblicas.
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 dado conhecido o nome

Ir em baixo 
AutorMensagem
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: dado conhecido o nome   Qui Mar 25, 2010 5:01 am

(Êxodo 3:13-14) . . .Moisés disse ao [verdadeiro] Deus: “Suponhamos que eu vá ter com os filhos de Israel e deveras lhes diga: ‘O Deus de vossos antepassados enviou-me a vós’, e eles deveras me digam: ‘Qual é o seu nome?’ O que hei de dizer-lhes?” 14 Então disse Deus a Moisés: “MOSTRAREI SER O QUE EU MOSTRAR SER.” E acrescentou: “Isto é o que deves dizer aos filhos de Israel: ‘MOSTRAREI SER enviou-me a vós.’”

“MOSTRAREI SER O QUE EU MOSTRAR SER.” Hebr.: ה?יהא ר??א ה?יהא (’Eh·yéh ’Ashér ’Eh·yéh), o nome que Deus deu a si mesmo;
Leeser: “SEREI O QUE EU FOR”; Rotherham: “Tornar-me-ei o que eu quiser.” Gr.: E·gó ei·mi ho on,
“Eu sou O Ser”, ou: “Eu sou O Existente”;
lat.: é·go sum qui sum, “Eu sou Quem sou”. ’Eh·yéh deriva do verbo hebr. ha·yáh,
“vir a ser; tornar-se; mostrar ser”. Aqui, ’Eh·yéh está no imperfeito, na primeira pessoa sing., significando “virei a ser; tornar-me-ei”; ou: “mostrarei ser”.

Esta referência não é à auto-existência de Deus, mas ao que pretende tornar-se para com outros.

Êxodo 3:13-16 e 6:3 são frequentemente mal aplicados como significando que o nome de Jeová foi revelado pela primeira vez a Moisés, algum tempo antes do Êxodo do Egito. Na verdade, Moisés suscitou a pergunta: “Suponhamos que eu vá ter com os filhos de Israel e deveras lhes diga: ‘O Deus de vossos antepassados enviou-me a vós’, e eles deveras me digam: ‘Qual é o seu nome?’ O que hei de dizer-lhes?” Isto, porém, não significa que ele ou os israelitas não conhecessem o nome de Jeová. O próprio nome da mãe de Moisés, Joquebede, significa “Jeová É Glória”. (Êx 6:20)

A pergunta de Moisés provavelmente se relacionava com as circunstâncias em que se encontravam os filhos de Israel. Por muitas décadas, estiveram sujeitos à dura escravidão, sem nenhum sinal de qualquer alívio. A dúvida, o desânimo e a fraqueza na fé quanto ao poder e ao propósito de Deus de libertá-los, mui provavelmente se haviam infiltrado em suas fileiras. (Observe também Ez 20:7, 8.)

Portanto, se Moisés dissesse que viera simplesmente em nome de “Deus” (’Elo·hím) ou do “Soberano Senhor” (’Adho·naí), isto talvez não significasse muito para os israelitas sofredores. Sabiam que os egípcios possuíam seus próprios deuses e senhores, e, sem dúvida, ouviam zombarias por parte dos egípcios, de que os deuses deles eram superiores ao Deus dos israelitas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Qui Mar 25, 2010 5:05 am

O nome Jeová deriva do verbo ha·wáh, “vir a ser; tornar-se”, e realmente significa “Ele Causa que Venha a Ser”. Isto revela Jeová como Aquele que, com acção progressiva, causa que se torne o Cumpridor de promessas. Assim, ele sempre faz com que seus propósitos se realizem. Apenas o verdadeiro Deus poderia legítima e autenticamente levar tal nome.

Isto nos ajuda a entender o sentido da declaração posterior de Jeová a Moisés: “Eu sou Jeová. E eu costumava aparecer a Abraão, a Isaque e a Jacó como Deus Todo-poderoso, mas com respeito ao meu nome Jeová não me dei a conhecer a eles.” (Êx 6:2, 3)

Uma vez que o nome Jeová foi usado muitas vezes por esses antepassados patriarcais de Moisés, é evidente que Deus queria dizer que Ele se manifestara a eles na qualidade de Jeová apenas de forma limitada. Para ilustrar isto, dificilmente se poderia dizer que aqueles que conheciam o homem Abrão realmente o conheciam como Abraão (que significa “Pai Duma Multidão”) enquanto ele só tinha um filho, Ismael. Quando nasceram Isaque e outros filhos, e eles começaram a ter descendentes, o nome Abraão assumiu maior significado ou importância. Assim, também, o nome Jeová assumiria então um significado ampliado para os israelitas.

“Conhecer”, portanto, não significa necessariamente apenas estar a par ou saber de algo ou de alguém. O tolo Nabal conhecia o nome de Davi, mas, ainda assim, indagou: “Quem é Davi?”, no sentido de perguntar: “Que importância tem ele?” (1Sa 25:9-11; 2Sa 8:13.)

Assim, também, Faraó dissera a Moisés: “Quem é Jeová, que eu deva obedecer à sua voz para mandar Israel embora? Não conheço Jeová, e ainda mais, não vou mandar Israel embora.” (Êx 5:1, 2) Com isso, Faraó evidentemente queria dizer que não conhecia a Jeová como o verdadeiro Deus, ou como tendo qualquer autoridade sobre o rei do Egipto e seus assuntos, nem como tendo qualquer poder para efectivar Sua vontade, conforme anunciada por Moisés e Arão. Contudo, então, Faraó e todo o Egipto, junto com os israelitas, viriam a conhecer o verdadeiro significado deste nome, da pessoa que ele representava.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Sex Mar 26, 2010 11:19 am

para provar que o nome Deus não é simplesmente `senhor` ou` mostrar ser ` nas traduções mais antigas, embora nem todas, contêm...

(Salmos 83:18) . . .Para que as pessoas saibam que tu, cujo nome é Jeová (javé, iávé), Somente tu és o Altíssimo sobre toda a terra.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Ter Ago 24, 2010 3:31 am

embora originalmente o nome de Deus se encontre mais de 7 mil vezes nas escrituras inteiras... como se pode encontrar o nome de Deus em algumas traduções?

A Bíblia Sagrada traduzida por João F. de Almeida, na versão da Imprensa Bíblica Brasileira: O Nome de Jeová aparece em Êxodo 6:2, 3. Veja também Génesis 22:14; Êxodo 17:15; Juízes 6:24; Ezequiel 48:35. (Mas se esta e outras traduções empregam “Jeová” em diversos lugares, por que não ser coerente em usá-lo em todos os lugares onde aparece o Tetragrama no texto hebraico?)

Versão Normal Revisada (em inglês): Uma nota ao pé da página sobre Êxodo 3:15 diz: “A palavra SENHOR, quando em letras maiúsculas, representa o nome divino: YHWH.”

A Bíblia na Versão do Inglês de Hoje
: Uma nota ao pé da página sobre Êxodo 6:3 diz: “O SENHOR: . . . Onde o texto hebraico diz Yahweh, transliterado tradicionalmente Jeová, esta tradução emprega SENHOR com letras maiúsculas, seguindo o costume bem difundido nas versões em inglês.” O mesmo faz a tradução Almeida, edição actualizada no Brasil.

A Bíblia Sagrada traduzida por João F. de Almeida, edição revista e corrigida:
O nome Jeová se encontra em Génesis 15:2, 8; Êxodo 34:6; Salmo 83:18; Isaías 12:2. Veja também Jeremias 32:17; Ezequiel 34:30, 31; Amós 9:8.

Versão Brasileira: O nome Jeová (com a grafia Jehovah) é usado coerentemente nas Escrituras Hebraicas nessa tradução, a partir de Génesis 2:4.

Versão Douay (em inglês):
Uma nota ao pé da página sobre Êxodo 6:3 diz: “Meu nome Adonai. O nome, que se acha no texto hebraico, é esse o mais próprio nome de Deus, que significava seu ser eterno, auto-existente, (Êxod. 3, 14, ) que os judeus, por reverência, nunca pronunciam; mas, em seu lugar, onde quer que ocorra na Bíblia, lêem Adonai, que significa o Senhor; e, por conseguinte, colocam os pontos ou as vogais pertencentes ao nome Adonai, junto às quatro letras daquele outro nome inefável, Iode, Hê, Vau, Hê. Por conseguinte, alguns modernistas formularam o nome Jeová, desconhecido dos antigos, quer judeus, quer cristãos; pois a verdadeira pronúncia do nome, que consta no texto hebraico, pelo longo desuso, já foi praticamente perdida.” (É interessante que The Catholic Encyclopedia [1913, Vol. VIII, p. 329] diz: “Jeová, o nome próprio de Deus no Velho Testamento; por conseguinte, os judeus o chamavam o nome por excelência, o grande nome, o nome ímpar.”)

Bíblia Sagrada traduzida por Matos Soares (8.a edição): Um comentário ao pé da página sobre Êxodo 6:3 diz: “O meu nome Adonai. O texto hebreu diz: O meu nome Javé ou Jeová. Adonai é como lêem os Hebreus para não pronunciar o nome inefável Jeová.”

Bíblia Sagrada, tradução de António P. de Figueiredo, Edição Barsa:
Uma nota ao pé da página sobre Êxodo 3:14 diz: “Aquele que é: em hebraico YHVH, que deve se pronunciar Javé, ficou sendo o nome próprio de Deus.” Sobre Êxodo 6:3 diz: “O meu nome Adonai: o texto original traz ‘Javé’ . . . Os judeus no entanto, passaram mais tarde a não mais pronunciá-lo, por medo de enunciá-lo em vão, mas diziam em seu lugar ‘Adonai’, i.e. ‘meu Senhor’.”

A Bíblia de Jerusalém:
O Tetragrama é traduzido Iahweh, a partir da primeira ocorrência, em Génesis 2:4.

Tradução do Novo Mundo: O nome Jeová é usado tanto nas Escrituras Hebraicas como nas Gregas Cristãs nesta tradução, aparecendo 7.210 vezes, como originalmente.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Ter Ago 24, 2010 3:35 am

Bíblia Sagrada, tradução dirigida pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma: O nome é usado nas Escrituras Hebraicas na forma Javé. O mesmo se dá com a tradução do Centro Bíblico Católico de São Paulo.

Bíblia Mensagem de Deus: O nome Javé (Jeová) aparece nas Escrituras Hebraicas, também em notas ao pé da página sobre textos das Escrituras Gregas Cristãs, começando com Mateus 1:21.

Diaglott Enfatizada (em inglês), de Benjamin Wilson: O nome Jeová aparece em Mateus 21:9 e em outros 17 lugares nessa tradução das Escrituras Gregas Cristãs.

The Holy Scriptures According to the Masoretic Text — A New Translation, Sociedade Publicadora Judaica da América, Max Margolis, editor-chefe: Em Êxodo 6:3, o Tetragrama hebraico aparece no texto em inglês.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Ter Ago 24, 2010 3:36 am

Por que não usam muitas traduções da Bíblia o nome pessoal de Deus ou o usam poucas vezes?

O prefácio da Versão Normal Revisada (em inglês) explica: “Por dois motivos a Comissão voltou ao emprego mais comum adoptado na Versão Rei Jaime:

(1) a palavra ‘Jeová’ não representa exactamente qualquer forma do Nome já usada em hebraico;
e (2) o uso de qualquer nome próprio para o único e exclusivo Deus, como se existissem outros deuses dos quais ele tinha de ser distinguido, foi descontinuado no judaísmo antes da era cristã e é inteiramente inapropriado para a fé universal da Igreja Cristã.”

(Assim, o próprio conceito deles sobre o que é apropriado tem servido de base para se tirar da Bíblia Sagrada o nome pessoal de seu Autor Divino, cujo nome aparece no original hebraico com mais frequência do que qualquer outro nome ou título. Admitem seguir o exemplo dos aderentes do judaísmo, de quem Jesus disse: “Invalidastes a palavra de Deus por causa da vossa tradição.” — Mat. 15:6.)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Ter Ago 24, 2010 7:07 am

Dalmatin incluiu a seguinte explicação no prefácio de sua tradução da Bíblia Sagrada: “Onde a palavra SENHOR ocorre em letras maiúsculas, ela se refere única e exclusivamente ao SENHOR Deus, cujo nome é הוהי, Jeová, no idioma judaico. Esse nome pertence apenas ao SENHOR Deus e a ninguém mais.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Qua Ago 25, 2010 4:39 am

o que significa verdadeiramente o nome de Deus?

Jeová lembra-nos o exemplo de pais amorosos que exercem os mais diversos papéis com relação aos filhos e como isso é possível. Num único dia, a pessoa que tem filhos pode fazer o papel de cozinheira, arrumadeira, electricista, enfermeira, amiga, conselheira, professora, disciplinadora e muito mais. Ela não muda de personalidade ao assumir os diversos papéis, simplesmente se adapta às necessidades que surgem. O mesmo se dá com Jeová, mas numa escala bem maior. Não há limite dos papéis que ele pode assumir para cumprir seu propósito e para beneficiar suas criaturas. — Romanos 11:33.

Por exemplo, Jeová é revelado como um Deus de amor e misericórdia tanto nas Escrituras Hebraicas como nas Gregas Cristãs. O profeta Miquéias, do oitavo século AEC, perguntou sobre Jeová : “Quem é Deus como tu, perdoando o erro e passando por alto a transgressão do restante da sua herança? Certamente não se aferrará à sua ira para todo o sempre, pois se agrada na benevolência.” (Miquéias 7:18) Similarmente, o apóstolo João escreveu as bem-conhecidas palavras: “Deus é amor.” — 1 João 4:8.

Por outro lado, em ambas as partes da Bíblia, Jeová é apresentado como justo Juiz dos que violam as suas leis e prejudicam outros de forma repetida, deliberada e impenitente. “A todos os iníquos [Jeová ] aniquilará”, disse o salmista. (Salmo 145:20) De modo similar, João 3:36 diz: “Quem exerce fé no Filho tem vida eterna; quem desobedece ao Filho não verá a vida, mas o furor de Deus permanece sobre ele.”

Qualidades imutáveis

A personalidade de Jeová e suas qualidades principais — amor, sabedoria, justiça e poder — não mudaram. Ele disse ao povo de Israel: “Eu sou Jeová; não mudei.” (Malaquias 3:6) Isso foi uns 3.500 anos depois que Deus criou a humanidade. Fiel a essa declaração divina, um exame detido da Bíblia como um todo revela um Deus cujas qualidades e padrões não mudam. Jeová Deus não abrandou sua personalidade no decorrer dos séculos, mesmo porque não houve necessidade disso.

A firmeza de Deus no exercício da justiça, que permeia toda a Bíblia, não foi atenuada, nem é o seu amor maior do que quando lidou com os primeiros humanos no Éden. As aparentes diferenças na Sua personalidade, conforme reveladas em diversas partes da Bíblia, nada mais são do que diferentes facetas da mesma personalidade imutável. Elas se manifestam em decorrência de diferentes circunstâncias e pessoas, o que exige diferentes atitudes ou relacionamentos.

Assim, as Escrituras mostram claramente que a personalidade de Deus não mudou no decorrer dos séculos e não mudará no futuro. Jeová é a suprema personificação da constância e da estabilidade. Ele sempre é digno de confiança e fiel. Podemos confiar nele sempre.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
são vieira



Mensagens : 923
Reputação : 16
Data de inscrição : 24/07/2009
Localização : portugal

MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   Sab Jan 29, 2011 8:39 am

a importância de se usar e conhecer o nome do Criador é reconhecido tanto pelos servos judeus como pelos cristãos:

profeta Joel- (Joel 2:32) . . .E terá de acontecer que todo aquele que invocar o nome de Jeová salvar-se-á. . .

apóstolo Pedro- (Atos 2:21) . . .E todo aquele que invocar o nome de Jeová será salvo. . .

apóstolo Paulo- (Romanos 10:13) . . .Pois “todo aquele que invocar o nome de Jeová será salvo. . .

usar o nome pessoal de Deus na nossa adoração e comunicação com ele é importante para que Deus se achegue a nós.

(Salmos 145:18) . . .Jeová está perto de todos os que o invocam, De todos os que o invocam em veracidade. . .

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: dado conhecido o nome   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
dado conhecido o nome
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Nome de Composto
» Descoberta Espinha Dorsal do Universo Conhecido.
» Comitê de Diversidade Religiosa. União de religiões para receber a NOM?
» Quantas supernovas explodem diariamente no Universo conhecido?
» Qual o nome da propriedade?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
À Procura da Verdade :: Pentateuco :: Êxodo :: Moisés o mensageiro de Deus-
Ir para: